Connect with us

Tech

Unicode apresenta os candidatos a próximos emojis

Os novos emojis devem ser escolhidos em outubro deste ano.

Os emojis já entraram com tudo na vida dos usuários das mais diversas plataformas digitais. É quase impossível passar um dia sem mandar um emoji num chat, um e-mail ou até naquela legenda de fotos. Já dizia o velho ditado popular: um emoji vale mais que mil palavras. E no mundo repleto de mudanças e gostos, a Unicode divulgou na última quinta-feira os possíveis novos emojis para as plataformas em 2018.

São 67 novos símbolos incluindo partes do corpo, animais, comidas, objetos e claro, os novos rostos.

Também foram incluídos novos tipos de cabelos como o careca, grisalho, blackpower e ruivo.

A decisão final para escolher os novos emojis deve acontecer em outubro deste ano.

Você pode conferir a lista completa dos possíveis emojis neste link.

Leia Mais
Publicidade
6 Comments

6 Comments

  1. roblox power simulator

    12 de agosto de 2019 at 01:06

    Enjoyed examining this, very good stuff, thanks .

  2. granny outwitt mod menu

    13 de agosto de 2019 at 15:50

    I love reading through and I believe this website got some genuinely utilitarian stuff on it! .

  3. insta haxor

    14 de agosto de 2019 at 10:58

    Great stuff to see, glad that Yahoo took me here, Keep Up awsome job

  4. is feebhax legit

    15 de agosto de 2019 at 11:09

    very Great post, i actually love this web site, carry on it

  5. wewgaming

    16 de agosto de 2019 at 12:27

    Enjoyed reading through this, very good stuff, thankyou .

  6. does toothpaste fix a cracked screen

    16 de outubro de 2019 at 10:41

    stays on topic and states valid points. Thank you.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Tech

Jornalista usa inteligência artificial para ‘restaurar’ imagem de Chaves

Bruno Sartori publicou diferença entre original e restaurado no Twitter.

Por

O jornalista Bruno Sartori usou inteligência artificial para conseguir ‘restaurar’ a imagem de uma cena clássica do Chaves, gravado originalmente em 1970. Através da tecnologia, Sartori conseguiu elevar a quantidade de quadros por segundo da cena e, consequentemente, tornar a imagem mais nítida.

“Há algum tempo falei sobre minha vontade de melhorar a qualidade episódios de Chaves utilizando inteligencia artificial. Nesse trabalho, partir de em um vídeo em 640×484 com 30 fps e cheguei em outro em tamanho 1280×976 com 120fps. São 90 quadros inéditos por segundo de vídeo”, publicou o jornalista no Twitter.

Sartori lamentou que não encontrou um site que pudesse hospedar vídeos com 120 fps online e, por isso, disponibilizou o arquivo para ser baixado. Para ajudar os internautas a perceberem a diferença, Sartori mostrou o frame original de Chaves (veja abaixo).

Abertura de Bob

O jornalista aproveitou a repercussão para publicar um vídeo da abertura de O Fantástico Mundo de Bob, também restaurada, que também parece ter uma melhor qualidade que a normal. Veja abaixo:

Leia Mais

Tech

Serviço de streaming HBO Max ganha trailer e anuncia data de lançamento

Plataforma deve chegar aos Estados Unidos em maio. No Brasil, a data de lançamento não foi divulgada.

A Warner Media divulgou nesta terça-feira (21) a data de lançamento e mais um trailer do HBO Max, seu novo serviço de streaming, que vai disponibilizar grandes produções cinematográficas. A data de lançamento para os Estados Unidos será no dia 27 de maio. O lançamento da plataforma no Brasil ainda não foi anunciado.

O serviço deve continuar oferecendo os mesmos serviços da HBO e séries originais do canal, incluindo Os Sopranos, A Escuta e Game of Thrones e também, clássicos da Warner Bros. como Nasce uma Estrela, Coringa, O Mágico de Oz, Podres de Ricos, Casablanca e Cidadão Kane. As séries de comédia Friends e The Big Bang Theory também serão destaques da plataforma.

Serão exibidos na plataforma o conteúdo das emissoras HBO, TNT, TBS, Turner Classic Movies (TCM), CW, Cartoon NetworkRooster TeethAdult Swim e Crunchyroll, e também todas as produções da Warner Bros., como New LineLooney TunesCNN e DC.

Leia Mais

Listas

6 atividades offline para fazer durante a quarentena

Destacamos alguns itens de uma lista maior para aqueles que querem ficar longe da internet por um tempo.

Relaxar e desfocar um pouco das telas pode ser uma boa (Foto: Reprodução)

Certamente os planos da maioria das pessoas para 2020 não incluíam passar por uma quarentena devido ao coronavírus. Ficar em casa se tornou uma das maneiras mais eficazes de conter o avanço da doença e, por isso, o ambiente caseiro substituiu as saídas, encontros e formas de se divertir mundo afora. Um dos maiores desafios em meio a esse cenário é: o que fazer em casa?

Pensando nisso, a publicitária maranhense Mirella Falcão pensou em algumas atividades que podem ser realizadas em casa durante o período de quarentena. No entanto, diferente das listas com mil coisas para se fazer, como ela mesmo diz, a publicitária aposta em atividades offline para se entreter e cuidar da saúde física e mental, fugindo um pouco do mundo virtual que está sempre presente nas diversas listas, com dicas de séries, filmes, jogos, aplicativos etc.

Por isso, Mirella publicou o texto em seu perfil da plataforma Medium para que mais pessoas tenham acesso a essas dicas, principalmente aquelas que buscam ficar um pouco distante das telas nesse período conturbado em que o excesso de informação tem sido prejudicial a alguns. Confira algumas das dicas:

Escrita livre e criativa

(Fonte: Reprodução/ PET Pedagogia)

“Esse é o exercício que mais amo fazer. Não só porque ajuda a gente a organizar as ideias, mas também por deixar um registro dos nossos sentimentos e emoções durante um certo período. Você pode escrever da forma que quiser, sem se preocupar com estética, pontuação, caligrafia ou qualquer limitação que possa surgir. O importante é pôr pra fora tudo que está aí dentro.”

Spa Day

“Acho que existe algo mágico em cuidar do meu corpinho. Eu sempre me sinto maravilhosa depois de fazer todo um ritual de cuidados. Começo com um banho, lavando bem o cabelo e o corpo, e uma esfoliação. Depois vem a hidratação no cabelo, uma máscara no rosto, uma auto-massagem nos pés… Enfim, o que manda é a imaginação (e os produtos que a gente tem em casa, né?).”

Escrever cartas

“Dia desses eu tava numa paranoia de ‘e se eu pegar coronavírus, como vou falar com as pessoas?’. Sei que isso provavelmente é uma hipérbole das minhas ansiedades, mas acabou me gerando a ideia de escrever cartas para as pessoas que eu amo. E para as pessoas que odeio também. Sabe aquelas coisas que você sempre quis dizer, mas deixou pra depois? Pois é, coloca elas num papel. Quem sabe depois de tudo isso você entrega.”

Esculturas de argila

Esculturas feitas pela própria autora do texto (Foto: Arquivo Pessoal)

“Tem um conto da tradição Iorubá que diz que Nanã pegou o barro do fundo das águas para modelar os seres humanos, depois de Oxalá ter tentado vários outros materiais. Toda vez que mexo com argila ou outro material moldável, eu lembro dessa história. Acho bonito criar animais e outros objetos com minhas mãos, assim como meus ancestrais fizeram tantas vezes.

Para quem não tem argila em casa, vale tentar fazer uma caseira. Geralmente usa-se poucos ingredientes, fáceis de ter em casa.”

Confira AQUI o passo a passo para fazer argila em casa e com materiais super acessíveis.

Ler

“Esse é um item clássico das listas de quarentena e aqui não poderia faltar. Vamos terminar aquele livro que tá na sua mochila? E que tal reler o clássico da sua adolescência pra sentir uma nostalgia?”

Colagem

Colagem feita pela autora do texto (Foto: Arquivo Pessoal)

“Eu faço colagens desde 2018. Acredito que é um dos processos artísticos mais democráticos que existem, já que você só precisa de papel, cola, tesoura e umas revistas velhas. Eu tenho um roteiro próprio para criar, que envolve coletar imagens, fazer associações e depois deixar só aquilo que gosto junto. Mas você pode criar seu próprio processo, de acordo com seu ritmo e sensibilidade. Por exemplo, dá pra buscar um tema específico, coletar coisas parecidas, optar por objetos de uma só cor…”

Das atividades mais básicas, como a leitura, até as um pouco mais elaboradas, como fazer esculturas de argila, o fato é que nesse período precisamos ficar bem fazendo o que gostamos, sem precisar necessariamente de meios digitais para isso.

Em sua publicação do Medium, Mirella dá mais dicas desse tipo de atividade. Clique AQUI para ler o texto original completo.

Leia Mais