Connect with us

Música

Taylor Swift lança versões ao vivo de músicas do ‘Lover’ gravadas em Paris

As sete músicas foram gravadas em setembro de 2019 e divulgadas nesta segunda-feira (18).

Taylor Swift

Taylor Swift resolveu presentear os fãs que ficaram tristes com adiamento das datas dos shows da nova turnê da cantora por conta da pandemia do novo coronavírus. Nesta segunda-feira (18), a cantora lançou sete faixas do seu último álbum ‘Lover‘, que foram gravadas ao vivo durante um show em Paris, na França, em setembro de 2019.

As versões fazem parte do show batizado ‘City of Lover’, que foi veiculado nesse domingo (17) pelo canal ABC, nos Estados Unidos. Após a exibição, o show foi disponibilizados nas plataformas Disney+ e Hulu. Ouça os áudios logo no fim da matéria.

Entre as versões ao vivo das músicas que foram divulgadas pela cantora estão ‘Lover‘, ‘The Archer‘ ‘Me!‘, ‘You Need to Calm Down‘, ‘The Man‘, ‘Cornelia Street‘ e ‘Death by a Thousand Cuts‘. Na íntegra do show, Taylor ainda cantou grandes sucessos como ‘Red‘, ‘Blank Space‘, ‘Love Story‘ e ‘I Knew You Were Trouble‘, mas que não foram divulgados em áudio.

Ouça as músicas:

Lançamentos

Banda maranhense Basttardz lança “Brasil com Z”, primeiro álbum do grupo

Grupo formado em 2019 lança seu álbum de estreia e já chega metendo o pé na porta com um trabalho crítico e de peso.

(Foto: Reprodução/ @basttardzch)

Todo maranhense já sabe que nossa terra é repleta de músicas que demonstram o que há de melhor na nossa cultura, desde a melodia envolvente do reggae, que chama o casal para dançar agarradinho, até a nossa MPB regional, que canta sobre as belezas do Maranhão e mostra os sons, cores e sabores que só se encontram aqui.

Mas há também um lado do nosso cenário musical que olha para a realidade mais profunda que se passa em todo o país e, por meio de riffs pesados, pedal duplo frenético e vocal rasgado, canta sobre o lado mais triste, porém real, da sociedade. É dessa forma que a banda ludovicense Basttardz se retrata em seu primeiro trabalho completo de estúdio, intitulado Brasil com Z.

Composto por André Nadler (vocais), Francivaldo (guitarra), Rafael Topeira (bateria ) e Adriano Texugo (contrabaixo), o grupo é uma banda de Hardcore/Crossover, fundada em São Luís (MA), que traz influências de grandes nomes como Ratos de Porão, D.F.C, Municipal Waste e D.R.I, aliando os riffs pesados do Thrash Metal à linguagem crítica do Hardcore. E crítica é a palavra que define o primeiro álbum da banda.

(Foto: Reprodução/Basttardz)

Em novembro de 2019 foi lançado o single de estreia “Brasil com Z”, que veio com tudo, mostrando o que a banda queria passar com o novo projeto. A capa do single, a mesma do álbum, juntamente com o nome da faixa, sintetizavam criticamente toda a questão do imposição da cultura norte-americana no Brasil, mostrando várias marcas de produtos famosos e a figura do nativo norte-americano.

Já no início de 2020, o grupo veio com o lançamento da faixa “Fogo na Zona Sul”, que aborda o ódio da burguesia pela periferia, iniciando com um áudio real do episódio “Os pobres vão à praia”, do programa Documento Especial, da década de 90, em que moradores da área nobre do Rio de Janeiro se manifestam contra a entrada das pessoas de periferia nas praias da região.

Já com o lançamento do álbum completo, que possui as duas faixas que já haviam sido lançadas, o Basttardz traz faixas totalmente críticas e irônicas sobre problemas sociais super atuais e que merecem toda a atenção para o problema real que representam.

Com músicas que falam sobre a repressão policial nas periferias, o envenenamento dos alimentos pelos agrotóxicos, a crise do sistema carcerário brasileiro, analfabetismo, as grandes igrejas como instituições predatórias e não como lugares de fé, além de outros problemas presentes no dia a dia como homofobia, racismo, ansiedade, corrupção e alienação, o álbum se mostra um relato necessário para se pensar criticamente os dias de hoje por meio da música.

“Brasil com Z” foi lançado inicialmente apenas nas plataformas de streaming devido ao cenário de pandemia em que estamos vivendo, mas que em breve vai ter a distribuição do formato físico pela gravadora Bigorna Records para todas as lojas do Brasil.

Com certeza o Basttardz é uma das bandas maranhenses do cenário Rock/Metal que merece toda a atenção para o atual e futuros trabalhos. Confira o álbum:

Leia Mais

Música

Projota lança álbum e clipe com participação de Taís Araújo e Lázaro Ramos

O álbum “Tempestade Numa Gota D’Água” começou a ser revelado nesta sexta-feira (22).

Por

Projota queria um projeto completo e já tinha o desejo de convidar Taís Araújo e Lázaro Ramos para um clipe. (Foto: Julia Assis)

Tempestade Numa Gota D’Água é o nome de novo álbum de Projota, lançado nesta sexta-feira (22) em todas as plataformas digitais. O projeto tem quatro faixas, sendo seu destaque a canção Ombrim. O clipe é dirigido por Lázaro Ramos que também atua no vídeo ao lado da esposa, Taís Araújo.

Trata-se da primeira leva de canções que irão compor o disco completo que conta com direção musical de Projota e que será liberado em etapas até o fim do ano. Como o rapper explica, o álbum vem sendo produzido há meses e seu nome surgiu naturalmente a partir de seu entendimento de que todo ser humano é apenas uma gota num universo infinito.

“Fazemos parte de um ciclo. Assim como a chuva que cai das nuvens chega ao chão e evapora para recomeçar. Seguimos chovendo”, explica o rapper por meio de suas rimas que há muito tempo são sua marca registrada.

Ombrim, Salmo 23, Sai de Rolê e Videogame são as quatro primeiras músicas do novo álbum. Vale dizer que Ombrim é esperada por seus fãs desde que foi anunciada. “É uma música que traz positividade e acredito que a galera vai curtir ouvir e assistir neste momento que também precisamos de algum respiro. Ela fala basicamente sobre a minha dificuldade de dançar pois eu passei minha vida inteira sem saber dançar. Confesso que só comecei a me soltar há pouco tempo. Do meu jeitinho”, diverte-se.

Para apresentar o clipe, gravado antes da pandemia, Projota queria um projeto completo e tinha dois desejos: uma atmosfera anos 1950, 1960 com alusão ao jazz e convidar Taís Araújo e Lázaro Ramos para estrelarem tal enredo. Deu tão certo que, por ideia de Taís, Lázaro passou também a ser o diretor.

No enredo, o casal global aparece também em suas versões “miniatura” representadas por MC Caverinha e Sara Christino – divertido e lúdico, o vídeo gravado no Rio de Janeiro foi feito em plano sequência exigindo de todos seus atores dedicação máxima já que, nesta modalidade de filmagem, o vídeo é gravado de uma única vez e a melhor sequência é escolhida como a final.

Leia Mais

Música

Carly Rae Jepsen atende pedido dos fãs e lança ‘Dedicade Side B’

O lado b de ‘Dedicade’ traz canções inéditas escolhidas dentre mais de 200 composições.

Foto: Divulgação

Para alegria dos fãs de música pop isolados nessa quarentena, a cantora Carly Rae Jepsen lançou o lado b do seu último disco, o Dedicade (2019). O novo registro traz 12 músicas inéditas, que foram descartadas da tracklist do álbum lançado ano passado.

A nova leva de canções vêm após uma série de pedidos dos fãs da cantora nas redes sociais por uma compilação de faixas descartadas do último trabalho. A especulação sobre o lado b se tornou mais forte quando foi noticiado que Jepsen estava curtindo tuítes que pediam pelo lançamento do registro.

No dia 17 de maio, a canadense comemorou em suas redes sociais o aniversário de um ano do Dedicade e postou um vídeo em que aparecia a letra B piscando. Já no dia 20, ela retornou a acender as esperanças dos fãs ao publicar outro vídeo mostrando tuítes pedindo pela compilação.

Segundo uma entrevista concedida a USA Today, Carly Rae Jepsen passou por dificuldades para selecionar as canções que iriam para seu álbum lançado no ano passado. A cantora revelou que durante o processo de produção do disco ela havia escrito mais de 200 músicas, e isso dificultou na escolha da tracklist oficial.

Ouça Dedicade Side B:

Leia Mais