Saiba o que vem por aí na terceira temporada de ‘The Handmaid’s Tale’





04/06/2019 - Atualizado às 10:20


Em visita aos sets de filmagem do drama distópico The Handmaid’s Tale, o site UOL trouxe informações frescas sobre a terceira temporada, que estreia nos Estados Unidos amanhã, 5 de junho.

Uma das coisas já era conhecida após a participação da atriz Ann Dowd, que faz a Tia Lydia, e do showrunner Bruce Miller, na BookCon 2019: o passado da guarda das aias. Antes de ser Tia, Lydia era cantora. Mas o interessante é notar que o que fez ela se tornar uma opressora é consequência de algo que lhe foi infligido na “primeira infância”, como relatou Dowd para a reportagem.

June mudou de casa, ela não é mais Ofred, mas Oflawrence, assumindo a posição de aia deixada por Emily após esfaquear Lydia e fugir para o Canadá com a bebê Nicole. Na nova residência, o quarto da aia tem chave, um detalhe de proporções enormes em um mundo onde essas mulheres são propriedade do Estado.

Lawrence é o comandante de dúbias intensões que ajudou a criar o sistema de aias, mas também faz parte da Resistência à Gilead.

Falando em Resistência, segundo o Uol, as figuras que lutam pela liberdade e queda do regime opressor passarão a se identificar com “Blessed be the Fight” (bendita seja a luta), uma corruptela da saudação “Blessed be the fruit” (bendito seja o fruto), usada pelos fiéis ao totalitarismo teológico.

Fred e Serena começam a temporada correndo atrás do que perderam. Ele, a devoção e respeito da esposa, ela o que mais queria na vida: a bebê Nicole. Serena começa também bastante sozinha, questionando se fez a coisa certa ao ajudar a libertar a filha.

Entretanto, pelos trailers liberados ao longo da campanha de promoção de THT, Serena se aproximará de June usando sua influência como esposa para minar as ações do governo tirânico.

Fred e Serena passarão um tempo em Washington, se aproximando do comandante Winslow (Chris Meloni) para travar uma luta jurídico-internacional para reaver Nicole.

Há um novo modelo de uniforme pras aias, ainda mais opressor que o anterior. Um novo capuz vermelho como o usado na cerimônia funerária na segunda temporada, mas desta vez que permite olhos e nariz ficarem de fora, unicamente porque as atrizes precisam convergir emoções.

A terceira temporada de The Handmaid’s Tale estreia dia 5 de junho no Hulu, com os três primeiros episódios liberados de uma vez, e a partir do quarto um por semana. No Net Now a estreia é dia 15 de junho. No Paramount + (app para celulares), no dia 30 de junho; na Globo Play ainda não há data.