Connect with us

Otaku

Ricardo Cruz e Akira Kushida realizam tributo a Jaspion

homenagem feita pelos cantores reúne a trilha sonora da série em conteúdo inédito.

Nesta sexta-feira (06) o canal do cantor Ricardo Cruz divulgou o clipe The Space Wolf Symphony (Jaspion), em homenagem aos 30 anos da série de tokusatsu no Brasil. O vídeo  – disponível no fim da matéria – conta com a participação especial de Akira Kushida, intérprete original dos temas da série lançada no Japão em 1985.

O clipe de duração de 12min33s reúne diversas canções ligadas ao Fantástico Jaspion e sua história com o artista japonês de 72 anos que esteve no Brasil no mês de julho para participar de uma série de eventos. Os cantores fizeram um medley que inclue os temas de batalha e a icônica música do Gigante Guerreiro Daileon. Uma das canções que, aliás, Kushida nunca cantou ao vivo.

“Foi a primeira vez que eu cantei Mabushii Aitsu em 33 anos!”, comentou Kushida. “É incrível como Jaspion faz sucesso no Brasil, fico muito feliz em poder homenagear os 30 anos da série no Brasil através desse medley”, completa o cantor, que  gravou pela primeira na carreira em português. “Eu resolvi topar esse desafio. O Ricardo me dirigiu na minha primeira gravação em português, que não poderia ser outra música a não ser a abertura de Jaspion”, revela. 

O tributo idealizado e co-executado por Ricardo Cruz conta com arranjos do guitarrista Lucas Araújo, com quem Ricardo criou o projeto Anison Lab., que lança semanalmente recriações de temas clássicos de animês e tokusatsus que marcaram época na conta oficial do cantor no You Tube.

“Eu cresci ouvindo todas essas músicas do Kushida. Foi glorioso entrar com ele no estúdio e ouvi-lo regravar todas elas 33 anos depois. E poder participar dessa criação e cantar junto com o mestre foi algo quase surreal”, conta Ricardo, que hoje é conhecido internacionalmente por ser o único não japonês integrante do grupo JAM Project, que é especializado em temas de animês e games.

A homenagem a Jaspion também tem a participação de Larissa Tassi, cantora original dos temas brasileiros de Os Cavaleiros do Zodíaco e Guerreiras Mágicas de Rayearth.

Vale lembrar que em fevereiro, a  Sato Company – empresa responsável por distribuir conteúdo de entretenimento japonês no Brasil desde os anos 1980 – anunciou ter firmado parceria com a TOEI Company (detentora da franquia) que autorizou as gravações de um longa-metragem remake totalmente brasileiro. Segundo nota oficial da Sato Company, o filme vem para modernizar o visual da personagem e também apresentar um novo pacote de efeitos especiais característicos do gênero.

Veja o resultado do tributo feito por Ricardo Cruz e Akira Kushida:

Em alta agora