Connect with us

Na Ilha

Origami Flight| Maranhenses lançam game estilo arcade

“Talvez uma tentativa teimosa de lançar um jogo com uma estética original e agradável, mecânicas de arcade bem simples e riffs de guitarra empolgantes.” – Afirma desenvolvedores.

Game Origami Flight teve seu lançamento no começo desta semana, 01/04. Desenvolvido pela Whalesoft Entertainment, companhia maranhense desenvolvedora de jogos, game promete desafios gradativos que criam uma experiência de jogo compatível tanto para jogadores casuais quanto para jogadores hardcore.

Origami Flight é um jogo do clássico gênero shoot ‘em up, caracterizado pela grande quantidade e variedade de inimigos enfrentados pelo herói durante sua jornada. Sob a temática do “origami”, a arte oriental de dobrar papéis, o jogo apresenta os mais variados objetos e animais como personagens, inimigos e obstáculos. Aviões, animais e criaturas mágicas feitas de papel, cenários desenhados a giz e outros elementos combinam-se com uma jogabilidade simples e um visual leve e divertido.

Reprodução

Disponível para compra no site oficial, onde você encontrará um demo para se familiarizar com o game. Ou pode ir direto no site do STEAM e comprá-lo. Disponível para Windows e Linux.

Na Ilha

Jefferson Carvalho lança clipe romântico de “Uma Noite” – assista

O clipe é uma produção independente e quem assina a direção é o próprio artista.

Por

O cantor maranhense Jefferson Carvalho lançou, na última quinta-feira (6), o videoclipe da romântica faixa “Uma Noite”. Assista clicando no vídeo acima.

O clipe é uma produção independente e quem assina a direção é o próprio Jefferson Carvalho.  A equipe técnica é composta por profissionais de São Luís e Imperatriz – MA, cidades que são cenário do clipe.

Jefferson explica que “o clipe tem um visual sensual/romântico, acho que é justamente um incentivo pra gente não deixar de se expressar e de expressar os nossos sentimentos, quando a gente quer a companhia de alguém, ou quer dar amor. Nós LGBTs já somos muito reprimidos pela sociedade, a mensagem que queria passar com o clipe é justamente essa, não tenha medo de amar, mas não se sinta mal por ser livre sabe? esses rótulos não deveriam existir.”

O ARTISTA

Jefferson Carvalho é fotógrafo, diretor, cantor e compositor, sendo um artista imperatrizense apaixonado pela produção audiovisual. Sua vida e a própria arte sempre se misturam a ponto de seu trabalho demonstrar uma naturalidade nítida, refletindo seus próprios sentimentos.

Surreal é o seu EP de estreia, lançado em 11 de Abril de 2018 em todas as plataformas digitais. O EP conta a história sobre o ciclo do término do seu último relacionamento e esse é o que o artista chama de um encerramento de ciclo; o ponto de chegada de uma fase. O trabalho representa autoconhecimento, cura e principalmente o amadurecimento pessoal e profissional, das 6 faixas do EP, 5 ganharam clipes idealizados e produzidos de forma independente, onde o próprio artista assina a direção.

Hoje, Jefferson se sente mais aprofundado dentro do seu eu artista e em suas novas músicas. Seus próximos trabalhos serão lançados já em março de 2019, produções que bebem de uma variedade musical bastante visível, com identidade e originalidade.

Continue Reading

Na Ilha

42ª Festival Guarnicê de Cinema é lançado e anuncia programação

O Festival segue até o dia 21 de junho no Centro Histórico de São Luís.

Por

Trazendo como tema “Inovação e Tecnologia no Audiovisual”, a 42ª edição do evento foi lançada nesta terça-feira (11), em coletiva de imprensa, com a participação de representantes de instituições parceiras, do Governo do Maranhão, organizadores, entusiastas do cinema e jornalistas. Durante o encontro, foram apresentadas a programação e as novidades da edição deste ano, que será aberta oficialmente sexta-feira (14) no Teatro Artur Azevedo. O Festival segue até o dia 21 de junho no Centro Histórico de São Luís.   

Na solenidade de abertura, será exibido o filme “Eu Sou Brasileiro”, de Alessandro Barros e produção de Letícia Spiller. O filme terá sua pré-estreia no festival maranhense. A noite contará, ainda, com homenagens à Cemar, Banco do Nordeste e à Câmara Municipal de São Luís pelos 400 anos e ao apresentador maranhense José Raimundo Rodrigues. O cineasta e presidente do Júri técnico, Aly Muritiba também está entre os homenageados da 42ª edição.  

Inovação e tecnologia no Festival

Dentre as novidades do Festival Guarnicê, está a criação de um aplicativo que permitirá a participação direta do público nas votações das mostras competitivas. Lá, também será possível acessar a programação detalhada e estar por dentro das atualizações diárias sobre o festival. O app, desenvolvido por estudantes de Engenharia da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), participantes da Empresa Júnior ADA, pode ser baixado na Play Store.

Outra novidade é a criação de novas mostras competitivas, com o objetivo de explorar as demais linguagens do audiovisual. São elas: Filmes de Curtíssima-Metragem; Videoclipes; Reportagem Televisiva e Filmes Publicitários.

Fortalecimento da produção local

O Guarnicê promove a exibição de filmes de todo o Brasil. Neste ano, foram 680 inscritos e 98 selecionados. E vários produtores maranhenses estão entre os participantes, tanto em mostras competitivas maranhenses quanto nacionais. Taciano Brito, cineasta maranhense que teve o curta “Marina” premiado na edição anterior tanto por júri popular quanto técnico, destaca o papel do Festival como incentivador para os produtores locais.

Continue Reading

Na Ilha

Boi Brilho do Sesc recebe as bênçãos para a sua 26ª temporada junina

Grupos da terceira idade convidados também integram a programação.

Por

Sinônimo de alegria e superação, o Boi Brilho do Sesc chega à sua 26ª temporada junina no Maranhão. Composto por 85 idosas do grupo do Sesc, com idade entre 60 e 90 anos, o grupo recebe as bênçãos de Santo Antônio para o início da agenda de apresentações neste sábado, dia 13 de junho, a partir das 16 horas, no Ginásio do Sesc Deodoro. Grupos da terceira idade convidados também integram a programação, abrilhantando o batizado.

Pioneiro no trabalho com a terceira idade, o Boi Brilho do Sesc é um dos mais tradicionais grupos da capital. Iniciando a sua formação em 1993, o seu primeiro sotaque foi o de matraca, passando mais tarde ao sotaque de orquestra. Atualmente se apresenta em diversos arraiais da cidade, entidades públicas, filantrópicas e privadas, participando inclusive de festejos no interior do estado, além de Encontros e Seminários.

Neide Rocha, que integra o grupo desde a primeira edição, lembra como tudo começou. “O boi era mais artesanal, de cofo e com fitas simples, mas a paixão pelo grupo já nasceu grande. E ao longo de 26 anos ela só cresce. É tão gratificante cantar e dançar, é uma alegria mútua, principalmente quando nos apresentamos nos hospitais e casas de apoio”, ressaltou a campeadora.

O Boi Brilho do Sesc é um grupo intergeracional, composto por idosos dos Grupos de Convivência do Sesc Deodoro e Turismo que desempenham os papéis de vaqueiro, campeador, Pai Francisco e Catirina e pelas netas dos componentes que participam como índias. Além da apresentação folclórica, eles também integram as diferentes etapas de produção da brincadeira: compõem toadas, preparam arranjos musicais, sugerem modelos de indumentárias e bordados e participam também da montagem das coreografias.

Fundado em 1993 por Clarice Barros, o Boi Brilho do Sesc visa contribuir para o envelhecimento ativo e saudável dos integrantes dos Grupos de Convivência do Sesc. O diretor musical do grupo é Chico Newman e o cantador e coreógrafo é Luís Carlos Pinheiro (Vovô).

Continue Reading