Connect with us

Últimas

Dragon Ball comemora seus 35 anos!

Dragon Ball ganhará painel com dubladores brasileiros na CCXP19.

Isso mesmo que você leu no título, meu amigo, Dragon Ball comemora seus 35 anos! A saga de anime que conquistou o mundo, inclusive o Brasil, que era transmitido pela manhã na TV aberta, ganhará uma homenagem no CCXP19 que elevará o ‘ki’ de qualquer fã.

Publicado inicialmente no dia 20 de novembro de 1984, na edição de número 51 da Weekly Shonen Jump, a série ficou por mais de 10 anos na revista, tendo no total 519 capítulos.

Weekly Shonen Jump e sua primeira capa com Dragon Ball

A história inicial fala de Son Goku, um garoto inocente com cauda de macaco e uma grande força. A criança mora só após a morte de seu avô adotivo, mas um dia conhece Bulma, uma garota altamente inteligente que está em busca das Esferas do Dragão. Assim os dois partem em uma longa jornada.

A série ganhou outras sagas, fazendo com que os telespectadores seguissem o curso de crescimento e desenvolvimento do personagem, conhecendo seus novos inimigos e amigos, assim como aventuras com o objetivo de salvar o planeta Terra.

Mesmo com o final de seu mangá, a obra do famoso autor Akira Toriyama, continuou em outras mídias e fazendo parte de gerações diversas.

A popularidade de Dragon Ball nunca fraquejou, exemplo disso é o mangá de Dragon Ball Super, supervisionado pelo próprio Toriyama e escrito por Toyotaro que continua ganhando cada vez mais leitores ou seu recente filme; ou mesmo Dragon Ball Super: Broly, que bateu recorde de bilheteria, sendo a 3ª maior de um anime nos Estados Unidos, recorde no Japão, arrecadando R$ 70 milhões em apenas 11 dias, e sucesso no Brasil, com a marca de 1 milhão de espectadores.

Que assistir anime legendado e no áudio japonês é mainstream todo mundo concorda, mas é inegável que a dublagem brasileira em alguns títulos antigos é insuperável; Dragon Ball é um exemplo disso. Apenas ouvir a voz de Wendel Bezerra, dublador do Goku, protagonista da série, é suficiente para bater nostalgia de qualquer fã antigo ou ser reconhecido pelos novos.

Pensando nisso, a Unidub, estúdio de dublagem brasileiro, fundado pelo próprio Wendel, que dublou títulos grandes no Brasil como Dragon Ball, Bob Esponja ou o saudoso jogo Grand Chase, fará sua comemoração especial do aniversário da Saga das Esferas do Dragão no maior festival de cultura pop do planeta. O painel acontecerá dia 7 (sábado) no Auditório Ultra e reunirá os grandes dubladores da saga.

Wendel Bezerra (voz do Goku e diretor de dublagem dos filmes), Wellington Lima (voz do Majin Boo e diretor de dublagem da série), Úrsula Bezerra (Voz do Goku criança), Tânia Gaidarji (Voz da Bulma) e Fábio Lucindo (Voz do Kuririn), relembrarão grandes momentos da saga e falarão sobre os bastidores de dublagem para o público presente no painel.

Wendel Bezerra, voz do Son Goku, do Bob Esponja, do Ronan, do Metabee, do Lee Sin, do…

Últimas

Pokemon receberá o 23º filme

Longa terá inspiração na lenda de Mogli.

Foto: Reprodução

Pokémon voltará ao mundo das animações tradicionais após um filme todo feito em computação gráfica. O filme Pockt Monsters: Coco foi anunciado e já recebeu um trailer incrível.

O filme terá grandes inspirações na lenda de Mogli, trazendo Ash e seu famoso pokémon Pikachu conhecendo um garoto das selvas chamado Coco. O filme dará destaque a dois pokemon raros. Zarude e Celebi vermelho.

Esse será o terceiro filme de Pokémon em uma linha do tempo paralela, desde Pokémon – O Filme: Eu escolho você! Ambos mostram um reboot de Ash vivendo aventuras, mas com um design mais próximo das temporadas antigas da animação.

O filme tem data de estreia marcada para 25 de dezembro no Japão, mas ainda sem informações sobre o lançamento no ocidente.

Leia Mais

Últimas

Marvel oficializa casamento entre Hulking e Wiccano

HQ traz imagem do casamento dos heróis.

Foto: Divulgação/Marvel Comics

A Marvel Comics apresentou, em sua nova maxissérie, o casamento de Teddy Altman (Wiccano) e Billy Kaplan (Hulking), o casal LGBTQI+ mais famoso da editora.   

O casal iniciou um relacionamento que foi introduzido em Young Avengers #7, HQ lançada em 2005. 

Agora na nova maxissérie, Empyre, foi revelado o casamento na quarta edição do título Jovens Vingadores, que mostra Hulking como líder da aliança entre Krees e Skrulls, segundo o site Legião dos Heróis

A saga mostra o Imperador Hulking – um híbrido entre as raças Kree e Skrull, pois é filho do Capitão Kree Mar-Vell e Anelle, com o objetivo de unir os dois impérios rivais após milênios em guerra, sendo agora uma única e poderosa aliança que se dirige à Terra. 

O casamento mostrado na revista é um flashback numa conversa entre Wiccano com a Capitã Marvel e o Tocha Humana, onde o herói afirma que o marido pode ter sido substituído por um skrull, já que algumas de suas ações se tornaram questionáveis não conduzindo com sua personalidade.  

Enquanto Wiccano conversava com os super-heróis, imagem de uma cerimônia discreta, que oficializou a união entre os personagens, aparece no quadrinho. Na cena, apenas os integrantes dos Jovens Vingadores e os amigos mais próximos de Billy e Teddy assistiam o casório. 

Para lembrar, em 2019, o primeiro beijo entre o casal Hulking e Wiccano causou polêmica na Bienal do Rio de Janeiro, quando o arco “A Cruzada das Crianças” foi acusado de apresentar “conteúdo sexual para menores” pelo prefeito Marcelo Crivella. Na ocasião, Jim Cheug, ilustrador da HQ, repudiou a censura apresentada pelo presidente carioca e disse que o político está “atrasado”. 

Leia Mais

Últimas

Novo single de Marilyn Manson ganha clipe surrealista

Álbum We are Chaos tem data prevista para 11 de setembro.

Foto: Divulgação

O último álbum de estúdio do cantor Marilyn Manson foi em 2017, de nome Heaven Upside Down. E agora, na última semana, o single “We Are Chaos” foi apresentado, mostrando a canção que fará parte de seu novo álbum de estúdio de mesmo nome. 

O novo álbum teve sua data de lançamento definida para o dia 11 de setembro de 2020 e será divulgado por meio da Universal Music. O cantor também revelou um clipe em seu melhor estilo surreal e bizarro para a faixa, produzido junto do diretor e ilustrador Matt Mahurim. 

Com coloboração de Shooter Jennigs, Manson também divulgou, em suas redes, a capa e o tracklist de todo álbum, o 11º de estúdio. A arte foi ilustrada por um autorretrato intitulado ‘Infinite Darkness’, obra do próprio Marilyn Manson. O disco possuirá 10 músicas compostas e gravadas antes da pandemia.  

  1. Red Black and Blue 
  2. We Are Chaos 
  3. Don’t Chase the Dead 
  4. Paint You With My Love 
  5. Half-Way & One Step Forward 
  6. Infinite Darkness 
  7. Perfume 
  8. Keep My Head Together 
  9. Solve Coagula 
  10.  Broken Needle 

Em nota, o cantor declarou que o álbum soa como se “tivesse sido feito ontem”, ainda que tenha sido concluído antes do mês de março.  

“Há um lado A e um lado B no disco, seguindo a lógica tradicional, mas, assim como um LP, é um círculo achatado. Cabe ao ouvinte encaixar a última peça do quebra-cabeça no conjunto das canções”. Afirmou Manson. 

O cantor definiu o trabalho como um “´álbum-conceito” e “um espelho ao qual nem ele, nem Shooter Jennings olharão”.  

“Há muitos quartos, armários, cofres e gavetas, mas na alma ou no seu museu de memórias, os espelhos são sempre os piores. Estilhaços e fragmentos de fantasmas assombraram minhas mãos enquanto eu escrevia a maior parte dessas letras. Durante o processo de criação do álbum, precisei dizer para mim mesmo: ‘controle a sua loucura, costure o seu terno e tente parecer que você não é um animal’, mas eu sabia que a humanidade é a pior de todas. Ter misericórdia é como cometer assassinato. As lágrimas são a maior exportação do corpo humano” Declarou. 

Leia Mais