Cine Guarnicê exibe ‘A Moça do Calendário’ nesta quinta, na UFMA

O drama narra a história do quarentão Inácio, interpretado por André Guerreiro Lopes.

Vencedor de sete premiações no 41º Festival Guarnicê de Cinema, em junho deste ano, o drama A Moça do Calendário, quinto longa de Helena Ignez, vai ser exibido nessa quinta-feira (30), às 12h30, no Auditório Central da Cidade Universitária Dom José Delgado da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), no bairro do Bacanga, em São Luís. Aberta ao público, a sessão de cinema integra a programação do Projeto Cine Guarnicê.

O drama narra a história do quarentão Inácio, interpretado por André Guerreiro Lopes. Sem emprego fixo, ela trabalha como dublê de dançarino à noite e mecânico durante o dia.

Quando não está nas pistas ou operando veículos, seus pensamentos gravitam para um relacionamento platônico com a bela garota que estampa o calendário da oficina. No elenco, André Guerreiro Lopes, Djin Sganzerla, Mario Bortolotto, Naruma Costa e Bárbara Vida.

Estreia nacional

Dirigido pela consagrada atriz e diretora do cinema nacional Helena Ignez, o filme é baseado em um roteiro escrito por seu marido, Rogério Sganzerla, antes de sua morte, em 2004.

O texto foi adaptado por Helena e fala sobre as contradições do país, a luta de classes, as questões de gênero e o sonho como agente libertador. O filme estreia nos cinemas brasileiros no dia 27 de setembro deste ano, com distribuição da Pandora Filmes.

Premiações

Exibido em mais de 15 festivais em 2017, entre eles a Mostra de São Paulo e o Festival de Brasília, o filme foi premiado no Festival de Cinema Luso-Brasileiro de Santa Maria, como Melhor Filme – Voto Popular, Melhor filme do Femina – Festival Internacional de Cinema Feminino, Prêmios de Melhor Filme Longa Nacional, Melhor Direção, Melhor Roteiro, Melhor Direção de Fotografia, Melhor Montagem, Melhor Direção de Arte, Melhor Ator no 41º Festival Guarnicê de Cinema, além de ser elogiado pela crítica especializada.

Total
0
Shares
Prévia

Novo projeto de Floor Jansen ‘NORTHWARD’ lança primeiro single

Próxima Notícia

Artigo Otaku | No Game No Life, fantasia e diversidade em ação