Connect with us

Séries

Robin Wright comenta acusações de assédio contra Kevin Spacey

Wright assumiu protagonismo de House of Cards após a demissão de Spacey.

Foto: Divulgação/Netflix

Em entrevista ao programa Today Show, a atriz Robin Wright comentou as denúncias feitas contra Kevin Spacey, antigo colega de trabalho na série House of Cards, da Netflix. Em outubro do ano passado, o ator recebeu denúncias de assédio sexual e foi demitido da série. Robin, por sua vez, foi escolhida para assumir o protagonismo da produção.

“Kevin e eu nos conhecíamos entre o ‘ação!’ e o ‘corta!’ e entre as preparações de cena, quando dávamos risadinhas. Não conhecia o homem. Conhecia o incrível ator que ele é”, explicou a atriz, sendo sucinta.

Relembre o caso

Na série, Wright e Spacey formam o casal de políticos Clare e Frank Underwood, que chegam à Casa Branca através de esquemas de corrupção e assassinato.

No entanto, após ser acusado de assédio por Anthony Rapp, Kevin Spacey perdeu muitos contratos. Chegou a pedir desculpas e se declarar gay, mas novas acusações de assédio surgiram nos dias seguintes, incluindo oito membros da produção de House of Cards.

Na época, em meio à repercussão dos casos, o Emmy cancelou uma homenagem que preparava para o ator e a produção da sexta temporada de House of Cards chegou a ser suspensa, enquanto a Netflix investigava as denúncias. Spacey foi então demitido do serviço de streaming, além de ser substituído no longa Todo o Dinheiro do Mundo.

Em House of Cards, Robin Wright assumirá o protagonismo sozinha. Tudo indica que o personagem de Kevin Spacey sofrerá uma morte fora da tela logo no início da sexta e última temporada da trama, que ainda não tem data para estrear.

Em alta agora