Connect with us

Eventos

Exposição sobre o Boi de Maracanã entra em cartaz

A exposição pode ser visitada até o dia 30 de junho, no Centro.

Foto: Divulgação.

Há mais de 100 anos levando beleza e tradição com suas matracas e toadas, um dos maiores e mais antigos grupos de bumba meu boi do Maranhão, o Boi de Maracanã será tema da exposição fotográfica A potência da alegria no Bumba meu boi de Matraca do Maracanã.

A abertura foi nesta segunda-feira (18), no Centro de Centro de Criatividade Odylo Costa Filho. A exposição pode ser visitada até o dia 30 de junho, no Centro de Criatividade, que fica na Praia Grande, Centro Histórico de São Luís.

O trabalho é fruto de uma pesquisa realizada pela professora da Universidade Federal de São Carlos (SP), Dulce Ferreira, como parte de um pós-doutorado realizado junto à Universidade Federal do Maranhão, no ano passado, com supervisão do professor István D. Varga.

A mostra reúne um conjunto de mais de 50 fotos com registros em preto e branco e colorido de momentos de grande exaltação da brincadeira. As fotos são de Dulce Ferreira e do fotógrafo paulista Raul Ernesto Pereira.

O Boi

O Boi do Maracanã mantém viva a tradição do bumba meu boi de matraca, ou sotaque da ilha, um dos mais admirados ritmos do folguedo do Boi no Maranhão. Da zona rural de São Luís, o Boi de Maracanã é reconhecido como um dos mais importantes grupos de Boi do Brasil.

Durante cerca de 40 anos, teve à sua frente o Mestre Humberto de Maracanã, autor de toadas inesquecíveis.

Em alta agora