Connect with us

Coberturas

E3 2018 | Sony manda bem, mas Ubisoft e Square Enix deixam a desejar

Jogo de Hideo Kojima e The Last of Us 2 entre as atrações anunciadas.

E o terceiro dia de Pré-E3 (que começa oficialmente nesta terça-feira, 12) terminou com um clima de frustração para quem esperava uma sequência bem dinâmica de anúncios como nos dias anteriores. Três empresas dividiram o palco do Los Angeles Convention Center e somente uma delas obteve saldo positivo ao final: a Sony. Antes, a Microsoft foi a grande surpresa do evento.

Confira os principais pontos do último dia de Pré-E3 realizado ontem (11):

 

Sony

Com uma conferência bem mais curta que a rival Microsoft (que reinou soberana no dia anterior), a desenvolvedora japonesa dona da marca Playstation trouxe um respiro aos fãs no fim da segunda-feira. Com poucos anúncios de títulos inéditos, mas com gameplays aguardadíssimos, a Sony foi a melhor do dia e agradou tanto os consumidores como a crítica especializada.

Quatro jogos bem específicos foram os carros-chefe da conferência. Entre as novidades Ghost of Tsushima é um action game ambientado no Japão Feudal (narrativa bem seinen!) com a invasão mongol do século XIII à costa nipônica sendo o pano de fundo da trama. O gameplay de Ghost of Tsushima era muito esperado, pois se aposta no sucesso da Sucker Punch Productions (empresa que desenvolve o jogo com a Sony), já conhecida do público graça ao game InFamous.

Apostando em cenários imersivos a empresa trouxe menos títulos, entretanto revelou bem mais detalhes dos jogos apresentados. Outros anúncios foram:

Death Stranding, novo jogo do fenomenal Hideo Kojima com imagens em 4K e a atuação de Norman Reedus (o Daryl de The Walking Dead) como o protagonista da trama. Lindsay Wagner (A Mulher Biônica) e Lea Seydoux (Azul é a Cor mais Quente) são as novidades entre atores conhecidos no elenco, que além de Norman também já contava com Mads Milkkelsen (Rogue One: Uma História Star Wars). O jogo segue sem previsão de lançamento;

Nioh 2, o jogo da Koie Tecmo parece que não dará sequência direta ao título anterior. As especulações são baseadas no novo trailer divulgado na conferência, que apresentou um novo protagonista;

Control, também é outra novidade. O jogo da Remedy Games traz uma protagonista feminina aos palcos dos action and adventure games;

Marvel’s Spider-Man, esse foi outro que chamou a atenção e trouxe mais detalhes da trama que conta com o Sexteto Sinistro como vilões do teioso;

Os pontos mais altos que se podem elencar da conferência da Sony, no entanto, podem ser dedicados ao trailer de Resident Evil 2 Remake, da Capcom, que usa o motor gráfico de Resident Evil VII e teve data de lançamento confirmado para 25 de janeiro de 2019. Chama a atenção a jogabilidade com visão por cima dos ombros, que se diferencia da versão original de 1998.

A outra grande presença foi o gameplay de The Last of Us 2 onde pudemos ver Ellie em ação em dois momentos: um mais romântico e um mais guerreira.

Com imagens cinematográficas o gameplay revelou uma Ellie adulta e vivendo diversas experiências tanto de sexualidade quanto na brutalidade pela sobrevivência. O game, no entanto, permanece sem data de lançamento.

 

Ubisoft

Decepcionando quem esperava por algo surpreendente, a Ubisoft contou apenas com um grande título entre seus anúncios. Em contrapartida, a empresa foi objetiva e trouxe muitos gameplays e datas de lançamentos.

Um dos pontos altos da conferência foi a presença de Elijah Wood (O Senhor dos Anéis) anunciando o psy-triller Transference. Desenvolvido em parceria com a SpectreVision, o jogo é pensado com narrativa imersiva de realidade virtual para dispositivos como o Playstation VR. Ele também estará disponível para Playstation 4 e Xbox One.

Entre os anúncios feitos pela Ubisoft destaque para:

Starlink: Battle for Atlas, o jogo é pensado para o gênero toys for life e estará disponível para Playstation 4, Xbox One e Nintendo Switch. A novidade está justamente no último console, onde o jogo ganha uma DLC especial com a presença de Fox McCloud, personagem de Star Fox em um crossover entre as duas narrativas;

Mario + Rabbids Kingdom Battles “Donkey Kong Adventure”,  esse jogo é uma parceria entre a Rareware e a Ubisoft e vem para Nintendo Switch. Detalhes devem ser dados durante a conferência da empresa japonesa nesta terça-feira (12);

Skull & Bones, também esteve entre os anúncios e nos trás um adventure game com foco no universo dos piratas. Com a pirataria erradicada do Caribe os lobos do mares se encontram agora no Oceano Índico. Em mundo aberto, o game convida os jogadores a se reunir em grupos e se aventurar em diversas missões e batalhas;

O destaque mesmo, contudo, ficou apenas com um game assim como já foi dito aqui: Assassin’s Creed: Odissey.

Fechando a conferência com seu melhor título a Ubisoft apresentou a nova narrativa da franquia que dessa vez nos leva ao século V a.C. em meio a guerra entre Atenas e Esparta. Uma novidade é que se pode escolher entre as personagens Alexio e Kassandra. Outra é que o título será dublado em português.

 

Square Enix

Sem dúvida a mais decepcionante conferência até aqui (lembrando que só falta a Nintendo se apresentar e o risco é mínimo de fracasso), a japonesa Square Enix ficou sem opções para apresentar após ter seus principais títulos já exibidos na conferência da Microsoft no dia anterior. Muitas críticas foram feitas a empresa que tinha um hype muito alto para com os fãs.

Entre os destaques da conferência está Shadow of the Tomb Raider (apresentado antes pela Microsoft) que nos apresenta uma nova narrativa para Lara Croft dessa vez com gameplay revelando algumas melhorias na jogabilidade da franquia. O modo de Furtividade foi um dos mais impressionantes para quem esperava o jogo.

Além de Kingdom Hearts 3, Captain Spirit, Just Cause 4 e NieR:Automata (Xbox One), ambos também apresentados na conferência da Platinum GamesMicrosoft, a empresa teve apenas dois anúncios inéditos, além de informações sobre títulos-chave da desenvolvedora. Entre eles:

Final Fantasy XIV Online: Under the Mooonlight, que será uma atualização para a atual versão do game mais famoso da empresa. Além de uma expansão também foi divulgado que a criatura Rathalos, de Monster Hunter World, fará um crossover no jogo ainda em 2018;

Dragon Quest XI: Echoes of An Elusive Age, que agora teve sua versão ocidental divulgada após ser sucesso no Japão em 2017. O jogo será lançado para Playstation 4 e PC (via Steam);

Entre os inéditos da Square Enix, Babylon’s Fall! revelou-se sendo mais um jogo em clima medieval a partir das informações do trailler. Desenvolvido em parceria com a  (Metal Gear Rising, Bayonetta e NieR:Automata) o jogo é promessa de bons frutos para a empresa.

O outro jogo inédito – e com a maior cara de Square Enix! – é o J-RPG Octopath Traveler.

Com oito personagens jogáveis o game é exclusivo do Nintendo Switch e vem com mecânicas únicas que se adaptam ao hibridismo do console japonês. O character design é o que chama a atenção por ser muito fiel a ideia do RPG clássico só que em motor Unreal Engine. Boa aposta da Square Enix que deve ser melhor apresentado na conferência da parceira de projeto.

E assim terminamos esse segundo resumo de E3 2018 aqui no VOLTS. A Microsoft segue liderando firme no quesito consistência em conferência. A Sony se saiu bem, mas perdeu muito espaço e pode perder mais se a Nintendo foi avassaladora. Vale lembrar que a conferência da Nintendo que acontece nesta terça-feira (12) tem como carro-chefe o jogo Pokémon Let’s Go Picachu/Let’s Go Eevee, que promete revolucionar o conceito de jogo híbrido através do Nintendo Switch. Fique ligado!

Em alta agora